Blog

Conceitos importantes para conhecer o sistema fotovoltaico e tirar o maior proveito dele

Há vários conceitos importantes que devem ser analisados quando da instalação de um sistema fotovoltaico para que você tire o maior retorno do seu investimento:

Geração Distribuída (GD): é o termo utilizado para referenciar a energia elétrica que é gerada próxima ou no local de consumo. Devido as suas vantagens, a cada ano milhares de consumidores integram a geração distribuída no Brasil, quase a totalidade deles através da fonte solar e dos sistemas fotovoltaicos. A micro e mini geração estão englobadas no conceito de Geração Distribuída (GD).

MicroGeração – são as instalações com potência instalada até 75 kW, ou seja, a grande maioria das instalações residências encontram-se nesta categoria.

MiniGeração – são as instalações cuja potência instalada varia de 75 kW a 5MW.

Autoconsumo Remoto: Caso você possua 2 (dois) ou mais imóveis, você pode utilizar a energia excedente gerada em um deles na redução da conta de energia dos outros imóveis. Para isso, é necessário que os imóveis estejam na mesma região da sua Concessionária de Energia e que tenham a mesma titularidade.

Na prática o que isso significa?

Se você possuir uma residência em Itajaí/SC poderá utilizar o excedente de energia gerado pelo sistema fotovoltaico em outro imóvel de sua propriedade, por exemplo, em Joinville/SC.

Para isso, solicite a empresa de instalação do seu sistema fotovoltaico as orientações adequadas de como efetivar este processo

E os Condomínios?

Para os condomínios, existe a EMUC – Empreendimentos com múltiplas Unidades Consumidoras (UC). A Energia gerada é distribuída percentualmente (%) entre os condôminos.

Já a Geração Compartilhada compreende um Consorcio/Cooperativa Solar, no qual vários interessados executam um empreendimento e dividem entre si os créditos em kWh.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) autorizou, a partir de 2012, a utilização da energia solar em residências, comércio e indústrias.

Regulamentou também que o excesso de energia elétrica produzida pelo consumidor pode ser disponibilizado na rede elétrica da Concessionária, gerando créditos de energia para o consumidor, que poderá utilizá-lo no prazo de até 60 meses. É desta forma que ocorre a redução no valor (R$) na sua conta de energia mensal.

Segundo a ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), entidade a qual a DALSOLAR é filiada, estima que hoje, após 08 (oito) anos da regulamentação da utilização da energia solar, estão instalados 300.000 sistemas de Geração Distribuída (denominada GD). A potência instalada destes sistemas é de aproximadamente 3 GW (Gigawatts).

Segundo a ANEEL, a estimativa é de que em 2024 tenhamos 700.000 residências com o sistema fotovoltaico instalado, caso a desoneração do ICMS ocorra em todos os estados do Brasil.

Em SC, assim como em alguns outros estados, já foi regulamentada e está em vigor a isenção de ICMS na conta de energia elétrica para quem instala sistemas fotovoltaicos.

Além da questão do ICMS, a redução continuada dos preços de equipamentos (inversores, “placas solares”, cabos, etc) para sistemas fotovoltaicos contribui para que, a utilização da energia solar seja uma alternativa energética consolidada para empresas e residências comparando com o sistema elétrico tradicional.

E não podemos esquecer que é uma energia limpa, segura, sem emissão de gases efeito estufa, sem ruídos.

Ressaltando ainda, garantias de até 25 anos em determinados componentes do sistema

Vale lembrar que várias opções de financiamento estão disponíveis para atender as suas necessidades.

Consulte a DALSOLAR! Vamos elaborar um projeto técnico comercial para atender as suas necessidades.

Postar um comentário



Abrir chat
Olá, como podemos te ajudar?
Powered by